Ela não tem valor nenhum mas custa 2,5 euros (pouco mais de 9 reais). Essa é a cédula de zero euro lançada recentemente na Alemanha – com autorização do Banco Central Europeu (BCE) e produzida com os mesmos procedimentos utilizados para a impressão de cédulas “verdadeiras”. Cinco mil unidades da nota sem valor foram impressas – e já esgotaram em menos de 24 horas, para a minha tristeza como colecionador!

O valor se explica justamente por isso, como lembra o site de tradução de “economês” Por quê? “A nota de zero euro é a antítese da moeda fiduciária, não serve para transações, afinal, seu valor de face é zero. Só que tem valor intrínseco, por exemplo, para colecionadores. Por isso tem gente disposta a pagar 2,50 euros por ela”. O Jornal Económico, de Portugal, lembra que a cédula, “que está a fazer furor na Alemanha”, é vendida no estado de Schleswig-Holstein, no norte do país.

A iniciativa da nota sem valor foi do Turismo de Kiel, capital do estado – para apresentar um dos símbolos representativos da cidade, o navio alemão Gorch Fock II, que aparece em um dos lados. Na outra face, aparece uma montagem com os monumentos mais representativos da União Europeia (UE): a Sagrada Família (Barcelona), o Coliseu (Roma), o Portal de Brandenburgo (Berlim) e a Torre Eiffel (Paris). O grupo prometeu uma nova emissão em algumas semanas.

Corrupção. Parece inusitado, mas a Índia já havia lançado uma cédula de 0 rúpia – segundo o site da Sociedade de Colecionismo de Numismática, a nota foi criada para evitar a corrupção no país. “Subornos, fraudes e corrupção têm sido um grande problema na Índia”, explica. Cansados de ter de pagar suborno a funcionários do governo, os cidadãos têm formado grupos anticorrupção, que crescem no país. Um deles, chamado 5th Pillar, inventou as notas de valor zero. A cédula imita a nota de 50 rúpias (cerca de 2,50 reais), usada para o pagamento de pequenos subornos. Pelo que eu entendo, entretanto, elas não circulam.

Vale lembrar que em abril o BCE lançou uma nova cédula de 50 euros para evitar falsificações. Explica o G1: “A nova nota, de cor laranja, incorpora uma parte transparente com uma imagem de ‘Europa’, deusa da mitologia grega, em meio a uma faixa metálica. As figuras cinco e zero na nota, que são de cor esmeralda, mudam de cor quando a cédula é movida de um lado para o outro”.

Anúncios