Quem nunca passou pela dor de cabeça de ter a bagagem extraviada ou algum objeto furtado de dentro da mala hoje em dia tem sorte. Como as malas são manuseadas por muitas pessoas entre a entrega no balcão e a recepção na esteira no destino, em viagens aéreas, as chances de que algo saia mal são grandes. Existe inclusive um golpe, conhecido como “cesárea”, que consiste em facilmente abrir o zíper da mala, mesmo quando se usa um cadeado, com uma tampa de caneta ou qualquer objeto pontiagudo. Entenda no vídeo como funciona:

O truque do golpe é abrir a mala pelos trilhos do zíper sem deixar vestígios – ao correr o zíper pelo “buraco” aberto, ele se fecha e deixa a mala com aparência de intocada. Para driblar esse tipo de ação, um lacre simples “ancora” o cadeado a um ponto fixo da mala e evita que o zíper possa ser corrido, ocultando a abertura desautorizada da mala. Trata-se de um fio de náilon associado a um lacre parecido a algemas plásticas (aquelas que só correm em um sentido).

Meu SealBag personalizado
Meu SealBag personalizado

A SealBag, empresa que produz o lacre, ainda faz uma personalização, ajudando na identificação da bagagem na esteira. O pacote com 10 lacres numerados descartáveis, cortador e manual de instruções custa R$ 40 e pode ser comprado pelo site. Para personalizar, o kit custa R$ 50. Os lacres estão disponíveis em sete cores: pérola, verde caribe, azul, cor-de-laranja, roxo, amarelo e cor-de-rosa.

É claro que o lacre não resolve o problema de bagagens extraviadas – mas felizmente estamos caminhando para uma proteção maior do consumidor quando o assunto é mala que não chega. Contudo, o problema de furtos é sério. Segundo a SealBag, entre 2010 e 2014, o valor de objetos furtados de dentro da bagagem superou US$ 2,5 milhões só em aeroportos dos EUA. Para evitar problemas, é sempre bom lembrar: faça sua reclamação de bagagem danificada antes de deixar a área de desembarque do aeroporto. As companhias aéreas em geral colocam pessoal para atendimento perto das esteiras.

Além de oferecer uma camada extra de proteção em viagens aéreas, os lacres são também muito úteis em viagens de ônibus ou de trem e mesmo ao hospedar-se em hotéis e, principalmente, em albergues ou hostels. Faça as malas, use seu lacre e boas férias! E lembre-se (oferecimento do Sensacionalista): ficar amontoado em volta da esteira não faz a bagagem chegar mais rápido.

Aviso: a SealBag enviou um kit de degustação em meu nome.

Anúncios