Você já viu um surdo falando? Falando, mesmo, pronunciando frases – e não se comunicando por Libras. A menos que ele tenha tido tratamento específico para falar adequadamente, vai balbuciar palavras quase incompreensíveis para uma pessoa sem essa deficiência. A razão é óbvia: como não escutam, não conseguem reproduzir as palavras sem erros, não conhecem os fonemas etc.

Na escrita, funciona da mesma forma. Quem não lê não conhece estilos, não tem vocabulário, não tem a chance de prestar atenção na pontuação, na gramática, nas colocações pronominais. Erra em tudo: conjugações, concordância etc etc etc. Por isso, leia. Leia de tudo. Leia muito. Empilhe livros lidos. Leia jornais para aprender a escrever como na imprensa. E escreva, pratique.

Senão, você vai ser um surdo da escrita.

Boa semana a todos.

Anúncios