Tinha um meteorito no meio do caminho. E foi na Rússia – portanto um “mетеорит”. E o fenômeno foi filmado por cinegrafistas amadores a partir de carros na estrada e por câmeras de segurança nas ruas de Chelyabinsk. Parece cena de filme de ficção científica.

Sinto muito pelos feridos (aparentemente mais de 500 pessoas) e pelos estragos, mas as imagens são simplesmente sensacionais. O clarão causado pela explosão do meteorito ao atingir a atmosfera da Terra, iluminando o céu da madrugada dos Urais, é de impressionar.

Do Estadão, que entrevistou diplomata brasileiro na Rússia: Meteorito atinge região central da Rússia e deixa 400 feridos. Da Folha, com imagens: Passagem de meteorito pela Rússia deixa pelo menos 400 feridos. Do texto da Folha destaco:

Em sua conta no microblog Twitter, a agência espacial europeia descartou até o momento qualquer relação do incidente com a passagem de um asteroide de 45 metros pela Terra nesta sexta. [O 2012 DA14 é rochoso, pesa 130 mil toneladas e mede cerca de 45 m de diâmetro (o que matou os dinossauros tinha 10 km de largura)]

Deixo dois vídeos. No Russian Machine Never Breaks tem mais.

Em Brasília, dezenove horas: aproveito para lembrar que amanhã, sábado, à meia-noite, termina o horário de verão. Atrasem seus relógios em uma hora, mas não se atrasem!

Anúncios