(Vinicius)

Quem já passou
Por esta vida e não viveu
Pode ser mais, mas sabe menos do que eu

Porque a vida só se dá
Pra quem se deu

Pra quem amou, pra quem chorou
Pra quem sofreu, ai

Quem nunca curtiu uma paixão
Nunca vai ter nada, não

Quem nunca curtiu uma paixão
Nunca vai ter nada, não

Não há mal pior
Do que a descrença
Mesmo o amor que não compensa
É melhor que a solidão

Abre os teus braços, meu irmão, deixa cair
Pra que somar se a gente pode dividir?

Eu francamente já não quero nem saber
De quem não vai porque tem medo de sofrer
Ai de quem não rasga o coração
Esse não vai ter perdão

Vi o filme sobre o Vinicius hoje. Lindo. Melhor presente que poderia receber. Valeu, Edu! Amei. Chorei do começo ao fim. O poeta branco mais preto do Brasil me abriu os olhos!

Anúncios