Hoje é dia de Jerusalém (como eu contei no 23a idade, embora mal dê pra entender!) e aqui no trabalho o CEO ou alguém muito próximo dele fez um discurso cheio de blá-blá-blá. Querem aumentar o número de pessoas no night shift, elogiaram nossos números, gritaram palavras de ordem como “night shift rocks“… Coisa de americano! Depois, distribuíram picolés, bandeiras de Jerusalém e um telefonezinho amarelo de borracha (dessas para apertar, anti-stress) com a marca da empresa… Cheguei atrasado hoje, porque a cidade está uma zona, e no caminho pude ver as muralhas da Cidade Velha iluminadas com as cores dos fogos de artifício comemorando os 39 anos desde a reunificação de Jerusalém. Vou contar mais no 23a.

Já perdi a conta e não sei em que lugar do mundo você está, se no Rio ou em algum país da Ásia ou da Europa. Pena que não está em Jerusalém para comemorarmos juntos esse seu último aniversário de solteiro, Marcus. Mas eu não esqueci! Então um yom huledet sameach e saudade, irmão. And today another very good friend of mine, from Canada, is becoming older – Josh, dude, very happy birthday for you!

Anúncios