Sou mesmo desses que guardam velharia, fazer o quê? Mas está lá, na coluna da direita da página 302, que inclui as definições amareladas de “mal” a “malhada”, do meu Minidicionário Aurélio da Língua Portuguesa, incrível 1a edição, mas 13a impressão, e em cuja capa está colada uma etiqueta na qual aparece, na letra da minha mãe, meu nome e “6a série B” (isso foi 1991, século passado!):

mal-entendido sm. Equívoco, desentendimento.

Já diria o Djavan, mas eu dou uma mudada: “insisto em zero e zero e quer um a um”…

Anúncios